Categoria: Notícias Page 3 of 4

Mythos comemora centenário de Galep com edição especial

Tex Willer, o famoso ranger da editora Sergio Bonelli Editore completa 70 anos em 2018. Junto a isso também comemoramos o centenário do grande Aurelio Galleppini que junto a Gianluigi Bonelli deu vida ao personagem em 1948.

O desenhista Galep, como é carinhosamente conhecido, foi o criador gráfico de Tex, a pessoa que determinou o visual do herói que perdura até hoje. Responsável por desenhar numerosas histórias do personagem, ele é o artista preferido de grande parte dos fãs.

Em comemoração ao seu centenário a Editora Mythos publica neste mês de fevereiro uma edição especial que fala sobre a extraordinária carreira de Galep. Em formato italiano Bonelli de 16×21 cm e 196 páginas (valor ainda não definido), a edição traz as duas primeiras histórias do espadachim Occhio Cupo, personagem criado por Galep e Bonelli antes de Tex. E também uma das mais célebres histórias do rude herói do oeste magistralmente ilustrada por Galep.

A edição ainda traz muitas matérias contando a história do artista, detalhes de sua vida até seu falecimento em 1994.

Mythos comenta sobre formato e valor das novas coleções Bonelli

Após 15 anos longe, retornam às bancas este ano Nick Raider, Martin Mystére e Nathan Never, publicados pela Mythos. Dylan Dog em comemoração aos seus 30 anos de publicação retornou em 2017 em três edições pela Editora Lorentz e também retorna em 2018 pela Mythos.

Todos terão quatro edições programadas iniciando em março com Dylan Dog n.1 e Martin Mystére n.1. Segundo o Diretor e Editor da Mythos, Dorival Vitor Lopes ao Confraria Bonelli, “as edições terão 96 páginas cada, preto e branco e com histórias completas” e revela que o formato será, “16×21 cm. Formato italiano Bonelli e o preço ainda não temos, mas deverá ser em torno de R$ 19,00 a R$ 20,00”.

Nos anos 2000, quando a Mythos lançou Nick Raider, Dylan Dog, Martin Mystére e Mister No, que não entrou nesta leva de 2018, o formato era o mesmo de Tex, 13,5 x 17,6cm e agora o grande diferencial é a editora lançar no formato italiano, o que deixa a edição muito melhor, destacando as artes e as histórias.

Dorival não revelou quais serão as histórias publicadas nestas edições, mas comentou que serão histórias escolhidas aleatoriamente entre todas as lançadas na Itália.

Ressaltando que após março, quando estreiam Dylan Dog e Martin Mystere, logo em abril saem as edições 2 das mesmas. Em maio estreiam Nick Raider e Nathan Never n.1. Em maio também a Mythos traz Dylan Dog Graphic Novel n.1, com 104 páginas. Dorival também não revelou qual seria a história, mas eu já peço antecipadamente que seja Mater Dolorosa (ao lado), com roteiro de Roberto Recchioni e arte de Gigi Cavenago. Esta edição é uma continuação de Mater Morbi, edição premiada lançada pela Lorentz, incrível. Ainda disponível para venda.

Em junho chegam Nick Raider n.2, Nathan Never n.2 e Dylan Dog n.3. Martin Mystere n.3 sai em julho. Em agosto sai Nick Raider e Nathan Never n.3. Em setembro Dylan Dog n.4 e Martin Mystere n.4, encerrando as edições programadas para este ano. Em outubro Nick Raider e Nathan Never n.4 chegam para encerrar o mesmo ciclo.

Esperar que vendam bem para que em novembro e dezembro já sejam programadas mais edições.

 

As Aventuras de Júlia para 2018

E saiu mais um boletim especial da Sergio Bonelli Editore com as novidades para 2018. Desta vez iremos falar de Júlia Kendall, no Brasil J. Kendall: Aventuras de uma Criminóloga. Este também não só um ano especial para Tex que completa 70 anos, mas também para Júlia que comemora 20 anos de publicação.
Sua publicação começou em 1998 e vem até hoje nos trazendo histórias incríveis pelo roteirista e criador da série, Giancarlo Berardi, também criador da série Ken Parker junto à Ivo Millazo.


Mas então o que 2018 trará para a Investigadora da Alma?
“Júlia é uma mulher moderna, que vive plenamente no seu tempo. Uma mulher com dúvidas, limitações e aspirações legítimas. Uma mulher normal. Ela é uma heroína que não voa, atira ou luta karate, ela enfrenta a vida com as armas típicas de seu sexo: inteligência, sensibilidade e participação”, com estas palavras, Giancarlo Berardi apresentava seu novo personagem aos seus leitores na primeira edição de Júlia, lançada em outubro de 1998.
Sempre atualizadas e modernas, as aventuras de Júlia este ano trarão muitas emoções, coisas para se pensar e momentos de pura diversão. Este ano teremos aventuras com Tim, o ladrão de cavalheiros, que precisará da ajuda de Julia para pegar outro ladrão que o roubou e espancou.


O carro futurista Seven retorna, e lançará a criminóloga em uma louca perseguição. O detetive Leo Baxter se mete em uma confusão quando uma encantadora cliente lhe confia uma estranha tarefa de cuidar de seu cachorro e depois é encontrada assassinada. Júlia reencontra também seu amigo de Gênova, Ettore Cambiaso, onde os dois vão até Milão para derrotar uma gangue que sequestra turistas, droga-os e rouba-os.


Por fim teremos uma edição especial em cores com uma história do passado de Júlia.
No Brasil, o Diretor e Editor da Mythos, Dorival Vitor Lopes confirmou que Júlia continua bimestral com duas aventuras por edição.

Mythos planeja lançar Álbum de Figurinhas de Tex

Este é um ano muito especial para os fãs de Tex e Bonelli no Brasil. É o ano que nosso herói completa 70 anos de publicação. No Brasil sua primeira aparição foi na revista Júnior n.28 (25 de fevereiro de 1951, formato talão de cheque), com o nome de Texas Kid e somente a partir de 1971 começou a ser publicado na edição normal que vemos até hoje e com o nome Tex Willer. Primeiro pela Editora Vecchi, depois RGE, Globo até finalmente a Mythos Editora assumir o compromisso e manter as aventuras de Tex nas bancas e junto à todos os fãs.

Uma série de comemorações, edições especiais, etc. estão sendo preparadas na Itália, algumas ainda em segredo, principalmente em setembro que é o mês do aniversário. E no Brasil? Bom, algumas coisas já sabemos, publicadas no blog dos pards texwiller.blog.com, mas não custa relembrar e comentar aqui outras novidades.

Estas informações vieram diretamente do Diretor e Editor da Mythos, Dorival Vitor Lopes. O mesmo confirmou quais serão as edições de Tex para este ano. Tex Mensal terá 12 edições, Coleção 24 edições e Tex Edição Histórica 4, uma já publicada em janeiro. Tex Graphic Novel teremos duas edições e teremos também duas edições do Tex Especial Colorido, que continuará seguindo a cronologia italiana.

Almanaque Tex n.50 sairá em fevereiro com duas histórias inéditas publicadas nesta quinta-feira (25) que já comentamos aqui na Confraria. Uma delas uma aventura solo de Jack Tigre (imagem acima). Tex Ouro será publicado em todo mês ímpar, um já publicado no final deste mês de janeiro e Tex Platinum todo mês par. Além das republicações da Tex Anual, Tex Platinum este ano trará as minisséries Mercadores de Morte e O Veneno do Cobra, em volumes únicos. Tex Gigante sairá em outubro e Tex anual como sempre, em dezembro.

Mefisto e seu filho voltarão em formato livro. O Sinal de Yama será reapresentada num elegante volume, em grande formato valorizando o trabalho de Fabio Civitelli e A Volta de Mefisto, com belíssimos desenhos de Claudio Villa, irá virar um volume gigante e em cores.

Agora as publicações especialíssimas. “Vamos ter a Edição 100 Anos de Galep, comemorando o centenário de nascimento do criador gráfico de Tex, com 192 páginas, três aventuras e muitas matérias contando a vida de Aurelio Galleppini”, ressalta Dorival.

E por fim o Editor fala que, “talvez a gente faça o álbum de figurinhas do Tex, dependendo dos custos”. Na edição Tex Coleção 445 ele já havia comentado que poderia sair este álbum, e para a Confraria ele confirma novamente, e está estudando os custos.

Entre abril e maio de 1981, a Editora Vecchi lançou dentro da sua conhecida coleção Livros de Ouro da Juventude n.52 um álbum de figurinhas do Tex. Medindo 27,5 x 20,5 cm, 384 figurinhas distribuídas em 32 páginas e todo colorido. Hoje, este um dos mais raros itens para os colecionadores Tex chega a custar R$ 2.000,00.

As figurinhas foram distribuídas de forma a contar até aquela data a história do Tex, desde sua primeira aparição. As páginas foram organizadas em tópicos assim ordenados:” A História de Tex”, “Os Companheiros”, “Os Grandes amigos de Tex”, Os aliados de Tex”,”As Mulheres de Tex”, “Mefisto e Yama”, “Os Inimigos de Tex”,”O Mundo de Tex”, “Os animais do Oeste”, Os índios”,”Magia e Mistério em Tex”,” As Melhores capas de Tex” e “Tex em Ação”. Fora isto no miolo e páginas iniciais e finais paisagens do mundo do personagem ricamente ilustradas e coloridas.

O álbum foi a primeira publicação colorida de Tex no Brasil e para tornar o item ainda mais especial, a capa foi um trabalho inédito de Galleppini especialmente para esta edição. Para conferir o álbum completo acesse: http://museudosgibis.blogspot.com.br/2012/08/album-de-figurinhas-do-tex.html e confira algumas imagens logo abaixo.

Estão satisfeitos? Um belíssimo ano para nosso ranger e seus pards também no Brasil. Parabéns à Mythos e ao Dorival que não irão perdem o Último Trem e estão preparando muitas coisas legais para nós leitores.

Viva Bonelli!

 

Chega nas bancas italianas Tex Magazine (Almanaque Tex)

Nesta quinta-feira (25) chega nas bancas da Itália o Tex Magazine 2018, que no Brasil é publicado no Almanaque Tex. Terá duas histórias inéditas, inclusive uma aventura solo de Jack Tigre pela primeira vez.

Serão 176 páginas e além das histórias traz artigos diversos sobre o velho oeste. Mas o principal são as histórias. A primeira é “Prisão Modelo”, escrita por Diego Cajelli e ilustrada por Luca Vannini. Nela, Tex e Kit Carson acompanham o prisioneiro Archibald Leyton, protegendo-o dos ataques Apaches e de um rico proprietário que o quer morto. Parece uma história bem ao estilo do filme 3:10 To Yuma (Os Imperdoáveis no Brasil).

Na história seguinte, “A alma do guerreiro”, escrita por Luigi Mignacco e com desenhos de Giovanni Bruzzo traz a primeira história de Jack Tigre como protagonista principal. “Desde que Lillyth faleceu, a mãe de Kit Willer, Jack Tigre cuida do garoto na aldeia Navajo, lhe ensinando alguns truques que todos os garotos indígenas devem conhecer para sobreviver em um mundo dominado pela violência. Kit, é claro, retribui o carinho ao seu guardião e está sempre ao seu lado quando os brancos querem evitar que um “índio sujo” entre em um hotel, no saloon ou restaurante. Tigre é sempre protegido por seus pards – Tex, Kit e Carson – mas isso não quer dizer que ele não tenha autonomia. Esta história traz uma prova disso”, destaca Graziano Frediani, editor da Sergio Bonelli Editore.

Abaixo algumas páginas disponibilizadas pela Editora:

Fonte: http://www.sergiobonelli.it/news/2018/01/24/gallery/arriva-il-nuovo-tex-magazine-1002388/

Lançamentos da Mythos 2018 – Bonelli TURBO!

E ai vem a Mythos, mitando teratologicamente! Brincadeiras a parte, todos pularam ou caíram das cadeiras quando o anúncio no Tex Willer Blog saiu: o calendário de lançamentos da Mythos para 2018.

Muitos ainda questionam quais as datas e quais os formatos. Então, para facilitar, colamos a lista do nosso Blog parceiro, o Tex Willer Blog! Tudo o que estamos publicando nesta matéria saiu originalmente lá, então consultem o maior repositório de Tex no mundo 😉

CALENDÁRIO

DIAPUBLICAÇÃO
JANEIRO
02Julia #132
05Tex Coleção # 444
10Tex Ed. Histórica #103
17Tex Ouro #94
18Zagor #176
19Tex Coleção #445
25Tex #576
30Tex Especial Colorido #10
FEVEREIRO
05Tex Coleção #446
09Zagor Cor #02
17Tex Platinum #13
20Tex Coleção #447
22Almanaque Tex #50
26Tex #580
28Livro Galep 100 Anos
MARÇO
01Julia #133
02Mágico Vento GN #02
05Tex Coleção #448
09Dylan Dog #01
16Tex Ouro #95
19Zagor #177
20Tex Coleção #449
23Martin Mystère #01
26Tex #581
ABRIL
05Tex Coleção #450
09Tex Ed. Histórica #104
10Dylan Dog #02
17Tex Platinum #14
18Zagor Especial #60
20Tex Coleção #451
25Tex #582
27Livro o Sinal de Yama #01
MAIO
02Julia #134
04Dylan Dog GN #01
04Tex Coleção #452
10Nick Raider #01
17Tex Ouro #96
18Zagor #178
21Tex Coleção #453
23Nathan Never #01
25Tex #583
JUNHO
05Tex Coleção #454
08Tex GN #05
11Nick Raider #02
18Tex Platinum #15
18Zagor Cor #03
20Tex Coleção #445
20Nathan Never #02
25Tex #584
JULHO
02Julia #135
05Tex Coleção #456
10Dylan Dog #03
13Tex Ed. Histórica #105
17Tex Ouro #97
18Zagor #179
20Tex Coleção #457
23M. Mystère #03
25Tex #585
30Tex Especial Colorido #11
AGOSTO
03Tex Coleção #458
08Zagor Especial #61
10Nick Raider #03
17Tex Platinum #16
17Zagor Cor #04 (40 anos)
20Tex Coleção #459
23Nathan Never #03
24Tex #586
31Julia #136
SETEMBRO70 ANOS DE TEX
03A volta de Mefisto
05Tex Coleção #460
10Dylan Dog #04
18Tex Ouro #94
18M. Mystère #04
20Zagor #180
23Tex Coleção #461
25Tex #578
OUTUBRO
05Tex Coleção #462
10Nick Raider #04
11Tex Gigante #33
17Tex Platinum #17
18Zagor Especial #62
19Tex Coleção #463
23Nathan Never #04
25Tex #588
NOVEMBRO
01Julia #137
01Mágico Vento GN #03
05Tex Coleção #464
09Tex Ed. Histórica #106
16Tex Ouro #99
19Zagor #181
20Tex Coleção #465
26Tex #589
DEZEMBRO
04Tex Anual #20
05Tex Coleção #466
10Tex GN #06
17Tex Platinum #18
18Zagor Especial #63
20Tex Coleção #467
21Tex #590

Em relação as dúvidas de formatos das novas publicações, DVL esclarece:

Sobre MM, DD, NR e NN, será em formato Bonelli, com histórias escolhidas e completas. (…) Este ano fomos ousados e fizemos um grande investimento no novo contrato com a Bonelli e esperamos que os leitores aceitem bem tudo o que vamos lançar. Continuem acompanhando o blog do Tex e nossas páginas de cartas dos leitores para mais informações. Um abraço a todos

 (veja a integra aqui)

Ainda nesta resposta destacou sobre dois pontos importantes: há uma parcela de leitores falando e cogitando na terceira edição de Tex. Embora o pedido seja um tanto quanto descabido, haja vista a gama de publicações no mercado, DVL colocou uma pá de cal sobre o assunto:

A terceira edição de Tex já existe… é o TEX EM CORES! Uma edição maravilhosa, a melhor coleção de Tex já feita no Brasil: formato Bonelli, em cores, papel de luxo, aventuras na ordem italiana, desde a primeiríssima, e sem nenhum corte. Mas os leitores não compraram e tivemos que parar. Depois, voltamos com outro papel e preço mais baixo, mas também não compraram. Agora tivemos que parar com ela novamente no nr. 34. Talvez ela volte no futuro em tiragem menor e venda só pelo site e gibiterias. O leitor é assim, pede uma série, garantindo que milhares de outros também a querem e depois não compra. Aconteceu o mesmo com a série Demian e Cassidy, dois personagens interessantíssimos, uma revista linda, formato Bonelli, preço acessível, mas ninguém comprou. E ainda tem gente que pede novos personagens.

E ainda arrematou sobre um questionamento quanto a periodicidade de Tex Coleção:

Falar em Tex Coleção mensal seria um retrocesso. Passamos essa série para quinzenal a pedido de um grande número de leitores, que reclamavam que iam levar 40 anos para completar a coleção se ela continuasse mensal.

Então, bonellianos, atenção às datas, as programações e principalmente aos avisos e comunicados que saem no Blog e nas revistas. Não adianta nada a editara fazer a parte dela se nós não cumprimos a nossa 😉

E que venham os lançamentos!

Editora Bonelli comenta sobre publicações de Tex em 2018

A Sergio Bonelli Editore fez um balanço do que trará para o nosso herói em 2018. Sem delongas vamos aos planos para o setentão Tex, com cara de 40 e que parece ter 20.

Em fevereiro será lançada mais uma Graphic Novel por Boselli e Mastantuono que concluirá a história iniciada em “O Vingador” (Graphic Novel ainda inédita no Brasil) e terá Tex, seu irmão Sam e o guardião Jim Callahan que se comprometeram a vencer a batalha contra os invasores que mataram Ken Willer.

Confraria é notícia na revista ‘Gente de Ação’!

Por Rouxinol do Rinaré

A Revista Gente de Ação, em sua edição 155, publicou artigo de Rouxinol do Rinaré e Joana Rosa Russo, apresentando a Confraria Bonelli para os leitores cearenses (a revista chega aos 184 municípios do Ceará, todos os meses).

Nossa gratidão ao seu diretor e redator, Dideus Sales, pelo maravilhoso espaço concedido.

Em comentários, Joana Rosa Russo.

Para nossa satisfação, honra e alegria, nosso Confrade Rouxinol do Rinaré, é um dos mais ativos membros do grupo. Com ânimo que inspira e norteia, serve de exemplo para que nossos integrantes possam entender o verdadeiro espírito da Confraria: estar em todos os lugares, independente do número de pessoas, tamanho do evento ou do espaço. A Confraria está dentro de cada um de seus integrantes, dentro de cada gesto e cada ato.

Externamos oficialmente, mais uma vez, nosso sincero agradecimento ao senhor Dideus Sales e toda a equipe editorial da revista “Gente de Ação”. Apenas aponto que, apesar do grande esforço, não sou cordelista como meu amigo, mas apenas jornalista amadora 😉

Confraria Bonelli.

À caça – Tex Gold!

Algum -bom- tempo se passou desde o anúncio oficial da Tex Gold no mercado, e finalmente para alegria de alguns, como o meu caso, chegou em São Paulo.

No entanto, ainda muitos fãs do ranger estão a ver navios (ou seria poeira?). De acordo com a Salvat, nesta primeira fase de distribuição, parte do Brasil apenas está recebendo os exemplares:

Aviso publicado hoje, dia 30 de outubro de 2017.

Tex na TV? – Salvat e a propaganda #01

É amigos, e quem diria? A nossa queria Editora Salvat investiu pesado no marketing da nova coleção Tex Gold e não deixou barato: atacou com tudo na televisão com uma propaganda de deliciosos 15 segundos!

Confiram:

Page 3 of 4

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén